INTERFERÊNCIAS – Sinop Energia realiza obras de adequação em três regiões em torno do futuro reservatório

As obras de macro interferências acontecem em três pontos da BR-163, na MT-220 e na Estrada Atlântica

Empresas contratadas pela Sinop Energia, Concessionária da Usina Hidrelétrica Sinop, iniciarão em abril obras em dois trechos localizados no entorno do futuro reservatório: na ponte da Marina, localizada na MT-220 que dá acesso ao município de Juara e na balsa da Estrada Atlântica. Ambas alterações devem ser finalizadas até o agosto deste ano.

A interferência na MT-220 fica a 28 km do trevo de acesso à rodovia pela BR-163, na ponte da Marina. Nesse local, haverá a elevação da ponte em 0,7 metros. Para que o trânsito não seja interrompido, serão disponibilizadas duas balsas que funcionarão da seguinte maneira: uma para veículos leves, disposta 24 horas por dia; e uma para veículos pesados, que estará disponível das 6h às 22h.

A balsa da Estrada Atlântica será substituída por outra de maior capacidade. Também serão construídos novos atracadouros nas margens direita e esquerda do rio. Para que não haja bloqueio do trânsito, durante as obras será feito um desvio provisório da estrada, apenas na margem esquerda do rio Teles Pires. Os novos atracadouros e a balsa maior entrarão em uso apenas quando o reservatório encher, procedimento que está previsto para iniciar em setembro.

A conclusão das obras de macro interferências na BR-163, iniciadas em agosto de 2017 está prevista para agosto deste ano. Nesta rodovia está sendo realizado o alteamento da pista em três pontos no trecho que liga Itaúba a Sinop: nas proximidades do Rio Roquete, localizado entre o KM-872 e KM-874 da BR-163; no Ribeirão Baixada Morena entre os KM-878 e KM-879; e por último, a região do Córrego Loanda, entre os KM-887 e KM-890.

Assessoria de Imprensa

EnglishFrenchPortuguese