Sinop Energia inaugura Reassentamento Recanto Feliz na zona rural de Cláudia

24/10/2018

Cada lote recebeu a construção de uma casa em alvenaria de 63 m², com dois quartos, sala, cozinha, banheiro social, lavanderia e varanda, sistema de abastecimento de água, rede de energia, saneamento (fossa séptica), cerca perimetral e acessos cascalhados.

 

 

 

 

 

 

 

   Um lugar para ser feliz e prosperar. Desta forma, o Reassentamento Recanto Feliz da Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop foi apresentado aos convidados que participaram da cerimônia de entrega oficial de dez residências às famílias beneficiárias na modalidade Reassentamento em Área Remanescente. O novo local foi inaugurado pela Sinop Energia, concessionária da Usina Hidrelétrica Sinop, na tarde da última sexta-feira (19), zona rural do município de Cláudia. Na programação, os convidados assistiram a um vídeo institucional com depoimento das famílias, receberam brindes, realizaram plantio de mudas em área coletiva e visitaram uma das dez residências entregues.

   Mudas de árvores frutíferas das espécies manga, jambo vermelho, jambo branco, caju, jaqueira, bacupari e também as florestais, das espécies jatobá e paineira, foram utilizadas durante o plantio no local. Aproximadamente 30 mudas foram plantadas com a ajuda dos participantes e da equipe da Sinop Energia, atividade que marcou o encerramento da cerimônia e o início de uma nova vida para as dez famílias que se mudaram para o novo local.

   Além das famílias e colaboradores da Sinop Energia, participaram do evento a Secretária de Educação do Município de Cláudia, Claudevania Barbon, o Secretário Adjunto de Saúde, Valdir Costa, o Coordenador de Vigilância Sanitária e Ambiental, Edson Catarino e o Pastor da Igreja Batista Independente, Jeferson Silva, além de representantes das empresas parceiras Hidrocampos e Accordi Di Filippo.

   Batizado pelos novos moradores de “Reassentamento Recanto Feliz”, está localizado na margem direita do rio Teles Pires, cerca de 72 km do município de Sinop, sentido Itaúba. Sobre a infraestrutura, cada lote recebeu a construção de uma casa em alvenaria de 63 m², com dois quartos, sala, cozinha, banheiro social, lavanderia e varanda, sistema de abastecimento de água através de poço tubular, rede de energia, saneamento (fossa séptica), cerca perimetral e acessos cascalhados, infraestrutura que atende com segurança e conforto às necessidades do moradores.

   Representando às famílias reassentadas, Dona Rosana Moreira, em seu discurso, repassou que a nova moradia representa para todos um sonho realizado. “Agradecemos muito a Deus, primeiramente, e a Sinop Energia por proporcionar que nosso sonho fosse realizado. Uma porta estava se fechando e Deus abriu outra maior. Já estávamos passando dificuldades na antiga moradia. Há mais de 12 anos, morávamos na propriedade onde trabalhávamos. Quando entrei na minha própria casa, chorei de tanta emoção”.

  O diretor presidente da Sinop Energia, Jean-Christophe Delvallet, reforçou a importância do acompanhamento técnico, social e ambiental. “De coração, desejamos uma vida futura muito feliz para vocês que aqui viverão. Queremos acompanhar todo processo de adaptação à nova moradia”, repassou. Ainda segundo Jean, cada família receberá uma verba mensal de manutenção equivalente a um salário mínimo, pelo período de um ano após a mudança para o reassentamento, para aplicar onde achar necessário. “Para iniciar o processo de adaptação e implantação de suas atividades produtivas em seu novo lote, as dez famílias receberão a verba de manutenção, capacitações e um projeto de geração de renda”, finalizou.

Benefício

    Ao todo, 19 famílias na condição de não proprietários, que atendem às condicionantes estabelecidas no Plano de Negociação - Diretrizes e Critérios para Indenizações e Reassentamentos, receberam proposta de benefício com as duas alternativas de remanejamento, sendo uma carta de crédito no valor de até R$125 mil, para aquisição de imóvel em área urbana/rural, ou em um lote de terra contendo moradia e infraestrutura básica. Do total, dez famílias, optaram por se mudar para o Reassentamento Recanto Feliz e outras nove, optaram por cartas de crédito urbanas, no município de Sinop.

Programa de Remanejamento da População

   O Programa de Remanejamento da População da UHE Sinop tem como objetivo oferecer aos proprietários de terras interferidas pelo empreendimento condições de vida iguais ou melhores às verificadas antes da implantação do Empreendimento. Fazem parte das atividades desenvolvidas neste Programa visitas sociais à população afetada, visando orientação, apoio e encaminhamento em caso de vulnerabilidade social, bem como o monitoramento socioeconômico da qualidade de vida e situação econômica deste público.

Assessoria de Imprensa.

Olá Eu sou a joana!

Tem alguma dúvida? Clique aqui!

joana maior