Termo de Compromisso garante benefícios para pescadores da Colônia Z-16

01/10/2018

O documento foi assinado pela diretoria da Sinop Energia e presidência da Colônia de pescadores Z-16, na última sexta-feira (28), em Sinop, e reúne informações, onde ambas as partes se comprometem em cumprir vários pontos

A Sinop Energia, concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE) Sinop, assinou Termo de Compromisso (TC) com os pescadores da Colônia Z-16. A proposta foi repassada, na última sexta (28), no escritório do Empreendimento, em Sinop, pelo diretor presidente, Jean-Christophe Delvallet, que estava acompanhado pelo diretor de Meio Ambiente, Ricardo Padilha, pelo gerente de Meio Ambiente, André Vasques e pelo analista socioambiental, Alex Bonami.

O documento reúne informações onde ambas as partes se comprometem em cumprir vários pontos, dentre eles, a aprovação do projeto técnico, contendo localização, infraestrutura básica de um balneário e um entreposto comercial de pescado, conforme planta, memorial descritivo e projeto arquitetônico. Apresenta, também, informações quanto à definição de um cronograma de trabalho para finalização do projeto executivo,  contendo informações sobre a previsão de início, fim e entrega das obras do atracadouro, contemplando portaria, administração, zeladoria, bloco pescador, sanitários, restaurante, serviços para o restaurante, quiosques, piscina adulto e infantil, playground, redário, estacionamento, mirante, minhocário, tanque de isca viva, minicampo, rampa para barcos, finalizando com a manutenção de barcos, informações previamente discutidas e acordadas com a colônia Z-16.

Julita Burko Duleba, presidente da Colônia Z-16, considera o TC muito importante para a colônia e para os pescadores da região. “A formalização desses compromissos é muito importante para nós. O documento serviu para que as pessoas passassem a acreditar que realmente o Empreendimento vai cumprir o que prometeu. Conversei com alguns pescadores que ficaram muito felizes com a notícia”, repassou. No momento da assinatura do TC, Dona Julita estava acompanhada de mais dois pescadores profissionais, Dona Lailde dos Santos Silva e o Sr. Francisco de Assis Pinto.

De acordo com o diretor presidente da Sinop Energia, várias reuniões foram realizadas com os pescadores da Colônia Z-16, com o objetivo de desenhar o projeto do Balneário e Centro de Apoio ao Pescador, de uma forma que fosse proveitoso para os pescadores. “Chegamos a um ponto que o projeto executivo ficasse ótimo para a colônia, assim os pescadores poderão trabalhar com qualidade”, completou.

De acordo com o diretor presidente da Sinop Energia, várias reuniões foram realizadas com os pescadores da Colônia Z-16, com o objetivo de desenhar o projeto do Balneário e Centro de Apoio ao Pescador, de uma forma que fosse proveitoso para os pescadores. “Chegamos a um ponto que o projeto executivo ficasse ótimo para a colônia, assim os pescadores poderão trabalhar com qualidade”, completou.

Jean repassou, ainda, que o Empreendimento mantém um diálogo permanente, não só com os pescadores, mas com todas as comunidades da área de Influência do Empreendimento, como forma de encontrar alternativas ambientais e sociais adequadas, caso apareçam possíveis imprevistos ocasionados pela construção da UHE Sinop.

Balneário e Centro de Apoio ao Pescador

O Balneário e Centro de Apoio ao Pescador será construído pela Sinop Energia, às margens do rio Teles Pires, cerca de 20 km de Sinop. Ao todo, serão, 3,6 mil m² de área construída em um espaço de quase quatro hectares, possuindo restaurante, piscinas, quiosques, sanitários, mirante, minicampo de futebol, playground e redário. Já o bloco para apoio aos pescadores terá despensa para equipamentos e materiais, área de recepção e limpeza do pescado, fábrica de gelo, câmaras frias, box para comercialização de pescado e seus subprodutos, área para embalagem dos produtos, tanque para iscas vivas, minhocário, mini oficina de manutenção de barcos e equipamentos, além de uma casa para zeladoria. O novo espaço será mais uma opção de turismo e lazer para os turistas e moradores da região.

Além dessa estrutura, a Sinop Energia vem desenvolvendo uma série de capacitações técnicas ministradas pelo Sebrae, afim de construir um Plano de Desenvolvimento para o grupo de forma a propiciar uma consciência coletiva quanto aos aspectos de governança, poder, cooperação, gestão, relações familiares no trabalho e uma visão de futuro de modelos de negócios. Já foram realizadas capacitações nas áreas de Atendimento ao Cliente, Cultura da Liderança, Comportamental, Desenvolvimento de Equipes, Comportamentos Empreendedores, Oficina Sei Planejar, Criando Seu Negócio, Boas Práticas na Manipulação do Pescado, Atendimento, Sei Vender, Oficina Culticoop (cultura do cooperativismo). Todas as pautas foram previamente apresentadas e discutidas com os participantes.

Assessoria de Imprensa

Olá Eu sou a joana!

Tem alguma dúvida? Clique aqui!

joana maior